.



ORDEM DOS MÉDICOS - INDIGNAÇÃO POR CIRURGIAS ONCOLÓGICAS TEREM LISTAS DE ESPERA.

O Conselho Regional do Sul (CRS) da Ordem dos Médicos acusou o ministério da Saúde de manipular os números referentes às listas de espera para cirurgia oncológica, considerando a existência das listas como «inadmissível».
Em comunicado, o conselho considerou «totalmente inadmissível» a existência de listas de espera para cirurgia oncológica, pelo facto de estas serem «da inteira responsabilidade da tutela por insuficiência de financiamento».
Segundo o CRS, o investimento em «sofisticados e onerosos sistemas de informação e gestão das listas de espera» apenas têm contribuído para «uma inútil discussão sobre os números apresentados de maneira diversa» e que «em nada contribui para a melhoria do tratamento e acompanhamento destes doentes».
Defendeu ainda que o tratamento dos doentes deve ser feito «rapidamente e com qualidade» e que o Ministério «não pode manipular os números por razões de estratégia política».
Fonte: Portugal Diário

3 comentários:

Boris disse...

As listas de espera em oncologia é das maiores indignidades que um País pode ter. Cada dia que passa diminui drasticamente a possibilidade de remissão da doença. Conheço alguém que a demora na cirurgia significou ficar sem voz.Se tivésse sido operado mais cedo não teria acontecido.NÃO HÁ DESCULPA. A SAÚDE É UMA PRIORIDADE.

sol poente disse...

Vergonha das vergonhas estas listas de espera e esta febre em reduzir custos nos hospitais do SNS. Estes senhores se tivéssem que passar por lá, ou algum familiar e não usássem da influência para passar à frente dos outros é que iam ver como era. Mas não precisam. Têm seguro de saúde e clínicas privadas.

Tiago R Cardoso disse...

O que em Portugal ?
Manipularem-se números?
Não acredito, ainda por cima para parecerem melhores, não...