.



SEJAMOS SOLIDÁRIOS PARA COM ESTA CAUSA

A JUSTIÇA NO BRASIL É O DINHEIRO
Enviem um mail à embaixada do Brasil em Lisboa e denunciem esta injustiça
06.01.1998 – FLAVIA SOUZA BELO, então com 10 anos, sofre grave acidente quando teve seus cabelos sugados pelo ralo da piscina do condomínio onde morava com a mãe e o irmão de 14 anos, no bairro de Moema, São Paulo. – Brasil. Flavia teve parada cardio-respiratória e desde então está em coma vigil, estado que segundo os médicos, é irreversível. Odele Souza, a mãe, processou o condomínio Jardim da Juriti, a Jacuzzi do Brasil, fabricante do ralo e a AGF Seguro, seguradora do condomínio. O condomínio, porque trocou o equipamento sem orientação técnica, colocando no lugar do anterior, um equipamento de sucção SUPERDIMENSIONADO em 78%. A Jacuzzi, fabricante do ralo, porque não orientou em seus manuais, sobre os riscos da instalação de um equipamento em desproporção com o tamanho da piscina, e a AGF Brasil Seguros, porque não pagou quando solicitada, o seguro existente no condomínio, vindo a fazê-lo apenas um ano e onze meses depois, sem juros e correção monetária.Ao longo desses quase nove anos que tramita na justiça paulista, o processo de Flavia teve dois julgamentos. Em ambos, foi concedida indenização que Odele considerou muito pequena, tendo em vista a gravidade do acidente ocorrido com Flavia. Odele recorreu das duas sentenças, mas mesmo tendo sido anexados aos autos, laudos periciais realizados por peritos designados pela justiça, onde foi constatado o SUPERDIMENSIONAMENTO do equipamento de sucção da piscina cujo ralo sugou os cabelos de Flavia, e mesmo continuando ela a viver em coma vigil já por quase dez anos, até hoje, os responsáveis pelo acidente NÃO FORAM CONDENADOS a pagar a indenização pleiteada. Odele, hoje busca divulgação para o caso, e espera com isso, chamar a atenção para o desrespeito aos direitos humanos de sua filha. Espera também a CONDENAÇÃO EXEMPLAR dos responsáveis pelo acidente que deixou Flavia em coma pelo resto de seus dias. No blog FLAVIA, VIVENDO EM COMA (http://www.flaviavivendoemcoma.blogspot.com/) Odele protesta contra essa lentidão da justiça brasileira em conceder à Flavia a indenização a que tem direito e alerta sobre o perigo existente nos ralos de piscinas, que sem legislação específica, continuam a causar acidentes fatais ou gravíssimos em todo o mundo, conforme vem sendo documentado no blog de Flavia. A maioria das vítimas são crianças. Odele Souzae-mail: odele@terra.com.brblog: www.flaviavivendoemcoma.blogspot.comhttp://www.flaviavivendoemcoma.blogspot.comhttp//sverdades.blogspot.com

5 comentários:

Crítica e denúncia disse...

Amiga Silêncio estou chocada com este caso e lamentamos todos juntos pela vida desta menina cujos olhos me passam uma vontade enorme de viver. que coisa triste ver isto em meu país, ver a negligência e vidas em perigo...
Estou de mãos dada contigo para que todos saibam que nós, os blogueiros unidos queremos solução para este caso e mais responsabilidade com peças que mal colocadas podem custar a vida.

Solidária.

Bom domigo

Alda

C Valente disse...

justiça tem de ser feita, apesar de não trazer saude e vida digna a Flávia e sua mãe Odete
Saudações amigas

C Valente disse...

No Brasil como em Portugal a incuria, e injustiça tem o mesmo diapasão
Saudações amigas

martelo disse...

esperando a justiça da dita Justiça?

Anónimo disse...

Hi
http://www.articlemarketing-secrets.com/ - buy cheap ativan

Always remember that it is best to dialogue with your doctor.
[url=http://www.articlemarketing-secrets.com/]ativan without prescription[/url]

You doctor, however, will have to assess your condition first before you can take Ativan.
ativan 2mg
Lorazepam is also given to kids sublingually in order to treat seizures.