.



GOSTO DOS MEUS ERROS


Gosto dos meus erros. Não quero renunciar à liberdade maravilhosa de me poder enganar.



Charlie Chaplin



Também gosto dos meus erros se, entender por erros, tudo aquilo que não voltaria a fazer se voltasse atrás. Porem, o que me faz gostar de tudo o que fiz (embora não voltasse a fazer), é sentir que actuei sempre sem dolo e acreditando que o que fazia estava certo.

21 comentários:

Fernanda e Poemas disse...

Minha querida, concordo contigo.
Gosto dos meus erros. Porquê?
Porque com eles aprendi a errar menos.
Muitos Beijinhos,
Fernandinha

7 Pecados Mortais disse...

Errar é humano, humano é reconhecer o erro. Penso que no percurso da vida tenhas feito estas duas passagens, sendo sem dúvida a segunda a mais importante. Tenho a certeza que ninguém é perfeito e errar serve para nos ensinar. Mais uma certeza é que estamos sempre a aprender e eu verifico isso todos os dias. Bem hajas por poderes também ensinar.

Marreta disse...

Eu conhe�o um que n�o renuncia � capacidade maravilhosa de nunca se enganar...
Sauda�es do Marreta.

António de Almeida disse...

-Detesto errar, custa-me um pouco menos admitir que errei, e adoro a sensação que é saber que poderei cometer um erro!...

quintarantino disse...

Adoro a liberdade de saber que, se quiser, posso errar. Geralmente, não quero.

Diannus do Nemi disse...

.

Me lembrou Tempos Modernos!
Abraço! ^^

.

MIGUEL BARROSO aka Girassol disse...

Eu amo errar. e amo não errar. belo amante o erro

Keops disse...

Ah o erro...
Não querem ver que alguém pensa que isso é um privilégio "privado"?

Teresa Durães disse...

se não errasse não aprendia...

avelaneiraflorida disse...

Silêncio culpado,

Aprender com os erros cometidos é sinal de maturidade!!!!
Cometê-los por maldade, repeti-los, é mau carácter, é crueldade!!!!

BOM RESTO DE NOITE!!!!
Bjks

João Rato disse...

Erro, logo vale mais ficar por aqui!
Será que já errei só por ter tentado comentar?
O melhor é ir-me embora, vou errar por aí!

Olhos de mel disse...

Sábio Charlie Chaplin!Não só pelo que ele disse, mas também porque com eles é que aprendemos.
Beijos

JOY disse...

Só não erra quem não tenta,e eu vou continuar a tentar e a errar sinal que estou vivo.

JOY

C Valente disse...

Não gosto dos meus erros, apesar de muitos dos que foram cometidos deve-se ao facto de ser naif, confiar no proximo, mas sei que a vida continua e tento melhorar
saudações amigas

Dalaila disse...

sim errar, aprende-se
vive-se
quem erra, é porque tentou,
quem erra é porque ultrapassou limites,
quem erra é porque passou barreiras,
quem erra, é porque pode errar outra vez,
é porque está a viver.

que erremos muitas vezes, para que acertemos muitoas mais.

beijo bom fim de semana

NuNo_R disse...

OlÁ...


nO DIA EM QUE DEIXAR DE ME ENGANAR, DEIXAREI DE SER HUMANO...

BJS

martelo disse...

se errar é humano ao menos que os nossos erros não façam moça nos outros... e, depois, tambem se aprende a não errar.

ANTONIO DELGADO disse...

Subscrevo plenamente as palavras do texto.bom fim de semana.
Um abraço

Marco Santos disse...

E afinal, é errando que se aprende.
E mais, como alguém disse, "aprender com os próprios erros é inteligente, aprender com os erros dos outros é sábio".
;)

Crítico disse...

Não é que goste deles, mas tornam-me uma pessoa melhor.

Cumprimentos.

preconceitos disse...

Li num comentário que conheces pessoas maravilhosas...
Define, por favor, pessoas maravilhosas...