.



JOGO CONTRA A FOME

Ora aí está, um jogo que vale a pena ser jogado. O Food Force, de acordo com o Digital, é um jogo que procura explicar às crianças o que é a luta contra a fome e em que consiste o trabalho de ajuda humanitária. As tarefas a realizar são diversificadas, desde a vigilância até ao lançamento aéreo de de alimentos.
Exemplo de uma missão: «Está nas tuas mãos salvar e reconstruir a ilha de Sheylan. Surgiu uma grave crise no Oceano Índico, na ilha de Sheylan. Vamos mandar uma nova equipa para reforçar a presença do Programa Alimentar Mundial e ajudar a alimentar milhões de vítimas da fome.»
O jogo pode ser descarregado gratuitamente em http://www.food-force.com/pt/.
Nota: texto publicado simultaneamente em www.cegueiralusa.com

24 comentários:

SILÊNCIO CULPADO disse...

Todos os jogos e exercícios são valiosos para divulgar que no mundo existe a fome e que estão crianças a morrer por não terem o mais elementar das necessidades básicas. Esta é outra espécie de violência contra a qual nos devemos indignar.

avelaneiraflorida disse...

Agora é que eu vou ver qual a desculpa que os meus "besouros" vão arranjar!!!!!
Ler é "chatice"...Escrever ainda é pior...

Eles não estão à espera de um JOGO!!!!
"BRIGADOS"!"!!!!!!!!
Bjks

C Valente disse...

Obrigado pela dica, se bem que não ligo a esse tipo de passatempo
Saudações amigas

NINHO DE CUCO disse...

Não sou muito dada a jogos mas penso que tudo o que seja para recordar que existem crianças com fome e a morrer à fome, é um contributo positivo.

António de Almeida disse...

-Já tinha ouvido falar neste jogo. É capaz de apresentar uma pedagogia bem interessante, ainda que não conheça o jogo, mas apenas o que li.

NÓMADA disse...

Mais do que um jogo, esta deverá ser sempre uma forma de alertar e manter viva a imagem da indignidade que permite que existam crianças a morrer à fome.

GIL disse...

Joguinho bonito, sim senhor. Vou jogar com a minha filhota.

ALEX disse...

Ouvi falar deste jogo e, já agora, aproveito para o conhecer.

O Sibarita disse...

Oi sua menina, é isso, o jogo! Que bom ele não?

bjs
O Sibarita

amigona avó e a neta princesa disse...

Aproveitei para divulgar no meu canto...beijo...

O Profeta disse...

É uma boa forma de chamar atenção para a lamentável situação de fome que grassa em alguns paises...


Boa semana


Doce beijo

Rute Borges disse...

Não conhecia, mas se é essa a luta, é pertinente e valioso, sempre.
beijo meu

quintarantino disse...

Venho do Carreira já devidamente orientado. Vou, com toda a certeza, lá espreitar.

Sofia disse...

Ora até que enfim, um jogo de jeito!

M.M.MENDONÇA disse...

É um jogo interessante que servirá também para, de uma maneira simultaneamente lúdica e didáctica, manter a consciência desperta para este mal do mundo.

C.Coelho disse...

Recordar é sempre bom mesmo que seja a brincar. Pessoalmente não aprecio muito.

Rui Caetano disse...

Não sou muito apreciador de jogos desde género, mas é uma informação útil para os amantes deste tipo de distração.

bluegift disse...

Algo de interessante como prenda de Natal e não só. Os miúdos têm cada jogo mais palerma, ao menos algo didático para variar.

Boris disse...

Não me parece que seja através de jogos que se combata a fome no mundo. Nem através de esmolas.A fome combate-se lutando por condições mais justas no trabalho e na vida social.

herético disse...

grato pela "dica"...

Cati disse...

Ai eu ando tão desactualizada... vou continuar a ler os posts que perdi e já volto!!!

Beijinhos para o Carreira e para a Silêncio Culpado!

Menina do Rio disse...

Acho bem interessante, como também te louvo pela causa que abraças. Pena que a maioria das crianças não sejam brindadas, já que a internet se limita a poucos, mas é uma forma que conscientizar.

Um beijo

Zé Povinho disse...

Já fui dar uma volta para me inteirar do jogo e já o descarreguei para o poder testar antes de o passar para o meu neto, que é um papa-jogos e ainda está na idade em que joga o que lhe damos.
Abraço do Zé

7 Pecados Mortais disse...

Mais do que um jogo, o alerta para a causa é fundamental. É interessante que através de um jogo se promova os devidos alertas para uma vida que de jogo não tem nada, é verdadeira e algures, cruel! Abraços.