.



NATAL





NATAL
Para quem ama e acredita
Que enquanto a lenha crepita

O fogo aquece
E a alma enobrece.

Porque Natal é encontrar
Quem se procura.

Árvore com raízes
Sem ramos de medo.

Calor partilhado
Onde não há segredo.



13 comentários:

Maria disse...

Hoje entrei, depois de te ler em "feed". Para te deixar um abraço quentinho. Porque hoje quero deixar aqui o meu rasto, coisa que não costumo fazer.
Um excelente 2009 para ti, Lídia.

Beijos

heretico disse...

poema singelo.no espírito da época. gostei muito.

votos de Festas Felizes.

beijos

martelo disse...

Boas Festas e saúde e um abraço

Å®t Øf £övë disse...

Lídia,
Passo por aqui hoje para te desejar um FELIZ NATAL!!!
Beijinhos.

PiresF disse...

Lindo esse poema.

Minha amiga, venho desejar um bom Natal e um excelente Novo Ano a ti e todos os teus.

Enorme abraço.

Peter disse...

Cheguei ao ponto em que os Natais caiem sobre mim em catadupas e em que olho à minha volta e me sinto cada vez mais só.

Bom Natal

NuNo_R disse...

Boas Festas e Bom Ano de 2009!

Sophiamar disse...

Desejo-te um Natal cheio de saúde, amizade, pão na mesa, harmonia, amor...
Que o Ano Novo te traga tudo quanto desejas.

Mil beijinhos

Brancamar disse...

Um Natal bom para ti Lídia, o teu Natal, o Natal em que acreditas. Que a partir desse espírito tenhas tudo o que esperas da vida.
Beijinhos.
Branca

Vieira Calado disse...

Comungo dessa ideia.

De todas as maneiras desejo que tenha um

Bom Natal

junto dos seus.

Beijinhos

LopesCa disse...

Feliz Natal!

ManDrag disse...

Salutas! Lídia

Boas Festas, com muita Paz e Luz!

Abraço.

Salutas!

ManDrag disse...
Este comentário foi removido pelo autor.